ARRANCAR TOCO

Paulo Zifum
 
             A expressão “arrancar toco” só pode ser compreendida por quem já roçou um terreno. O trabalho manual de preparar um terreno para plantar ou construir pode ser muito penoso quando é preciso remover grandes árvores. Derrubar ou queimar é fácil. O difícil é arrancar o toco. Leva horas, até dias dependendo da quantidade.
             Algumas pessoas herdam benefícios sem passar pela fase de “arrancar toco”. Alguns passam a vida arrancando, mas outros é que desfrutarão do lugar limpo e pronto. Existem pessoas que só se sentem realizadas se estiverem no “arranca toco”. Quando acabam um desafio, seguem para o próximo. É uma espécie de vocação.
             Mas, há aquele que desiste fácil de terrenos que ganha por causa dos “tocos”. Não querer estudar, não querer acordar cedo, não querer reduzir padrão de vida, não querer adiar conforto, não querer esperar, não querer tratar problemas pessoais, é uma fuga dos “tocos”.
             Nessa vida plantamos  muitas coisas. Por vezes, de modo descuidado, outras por rebeldia, plantamos no lugar errado. Aí, a vida passa, as árvores plantadas crescem e enraízam no caminho de nosso progresso. Depois de lamentar, percebemos que parte do que foi plantado precisa ser removido. É nessa hora que filhos choram e as mães não podem ver. É duro arrancar os tocos de nossa insensatez e teimosia. Mas, é muito honrado um homem assumindo sua própria semeadura ruim e a removendo com confissão e paciência.
            Fugir também é uma opção. Mas, o que um homem plantar ele colherá. Seja em seu próprio terreno ou para o lugar para onde fugir. Deus é justo e cada um colherá conforme sua obras.
           Não que a dificuldade da vida possa ser sempre vista como um castigo de alguma semeadura maldita do indivíduo, mas, aceitamos que toda a raça está ligada em Adão. Nós temos que “arrancar toco” de administrações anteriores e as posteriores podem folgar ou sofrer com o que deixamos.
           A verdade é que alguns viverão como o rei Salomão que recebeu o reino de seu pai, o rei Davi. Enquanto Davi arrancou os tocos, Salomão desfrutou de paz. Mas, os filhos de Salomão, infelizmente, tiveram que enfrentar a semeadura infiel de seu pai, que, diga-se de passagem, até hoje tem “toco” para arrancar.
          Como está sua vida? Já está com machado na mão ou nem tem um terreno à vista? Recebeu tudo já pronto? Está chorando pelas burradas que fez? Ou está ajudando outros a “arrancarem” suas adversidades?
          Seja firme ou seja grato. Evite quando puder, mas assuma o que for seu.
          Deus nos ajude!        
            
Anúncios

5 comentários sobre “ARRANCAR TOCO

  1. em uma campanha de consagração, já à algum tempo atrás, recebemos ferramentas em miniaturas de presente , foi surpresa, porque vieram em caixinhas, e cada pessoa pegava uma sem ver o que continha, a minha tinha um machado, que carrego comigo até hoje no meu chaveiro, lendo isso, pude compreender um pouco o porque!!!!, venho tentando arrancar alguns tocos, ao longo da minha caminhada com Cristo!!!, mais especialmente de 5 anos pra cá!!!!rendo Glórias a Deus pela vida da Igreja e do meu Pastor aqui na terra, que me ajuda a identificar quais são estes TOCOS..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s