RETORNO DO FILHO

levi return

Paulo Zifum

Depois de um ano longe de casa, meu filho retornou. E o choro no aeroporto foi tão necessário para nossa relação pai e filho! O Skype e outros recursos suavizaram a distância, mas a ausência na mesa do almoço abriram um grande vazio na família. Nenhuma tecnologia pode substituir o abraço.

Enquanto meu filho esteve fora, pensei: serei bom quando ele voltar. Darei atenção sem tensão. Darei carinho sem pedágio. Darei olhar sem julgamento. Vou provar pra ele que cresci e que podemos viver uma nova fase da amizade.

Ele sempre foi um bom filho e, numa terra distante, provou ser mais responsável e, sobretudo econômico. Diferente dos filhos pródigos, meu rapaz tornou-se muito contido e prudente. Gastou pouco para tentar nos aliviar.

Senti muito sua  falta, mas, sabia o quanto é importante permitir que os filhos ponham o pé na estrada com uma mochila de sonho nas costas. E é preciso não apenas deixar ir, mas também patrocinar a viagem e a pensão, e por vezes também a diversão.

O retorno dele foi uma festa. Pois, quando a graça de Deus enche o coração de um pai, torna possível planejar cada gesto de amor, resistir todo e qualquer rancor e fazer o retorno ser como quem volta para Deus

Sabemos que nem todo filho deseja voltar e nem todo o pai faz questão. Existem filhos que não sabem como voltar por causa do fracasso e não querem encarar o rosto paterno. Existem pais que não sabem receber filhos de volta, só querem resultados. As experiências de pais e filhos longe do amor de Deus nunca chegam a ser um reencontro.

Espero sempre ser como o Pai de Lucas 15: o que deixa ir e celebra a volta, que comunica que o desempenho é secundário e que tem o coração aberto para recomeçar, dando confiança.

Meu filho retornou para casa. Espero que experimente o beijo e o abraço divino enquanto estiver comigo. E seja assim até que pegue a mochila de novo. Quero sempre estar no portão no fim de tarde, feliz, com o coração cheio de Deus.

 

 

Anúncios

2 comentários sobre “RETORNO DO FILHO

  1. Que foto mais linda essa do Levi, aliás, que filho mais lindo você educou.
    Ele se parece com você, ele é diferente, ele faz a diferença, ele marca, deixa história em suas passagens. Ele vai longe.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s