AUSCULTAR

Paulo Zifum

Auscultar: identificar e diagnosticar os ruídos, aplicando o ouvido diretamente sobre a parte, ou utilizando um aparelho. Procurar saber; inquirir; investigar.

Para escutar não precisa prestar atenção. Ouvimos, mas nem sempre auscultamos. As pessoas falam sons do que pensam e tentam dizer o que sentem. São ruídos.

Uma coisa é ouvir a esposa, os filhos e os amigos, outra coisa é auscultá-los.

-Doutor, estou sentindo muito cansaço. Não tenho ânimo – o médico pega o estetoscópio para diagnosticar.

Quando pessoas falam ou quando calam, podemos encostar o ouvido diretamente sobre a parte. Procurar saber é um afeto, é um modo amoroso de detectar palavras. Quem grita ou explode, pode ter um dano por dentro: -Espera aí! Isso foi um som de algo furado!

E tem gente nervosa que jamais grita, mas os resmungosinhos revelam uma frustração escondida. Por que somos tão chatos? Por que algumas pessoas só falam de tristeza?

Você já auscultou um adolescente? Precisará de aparelhos muito bons para identificar o “chiado” do peito juvenil. Precisará de tempo e atenção para entender as mulheres. Precisará de discernimento cristão para auscultar televisão e perceber o ser humano agonizando num misto de violência, humor e sensualidade.

Eu não posso e nem quero ficar auscultando tudo. Ficaria louco. Porém, todos temos nossos “pacientes” e somos responsáveis por eles. Pois de médico e louco todo mundo tem um pouco.

auscultar

 

 

Anúncios

2 comentários sobre “AUSCULTAR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s