VIGIAR O DRAGÃO

Resultado de imagem para cena mogli e a  cobra

Paulo Zifum

vigie o dragão com o olho que não se deixa enfeitiçar”

Pense em algo que te enfeitiça. Dificilmente conseguimos imaginar algo que não seja moral. Quando o alerta dispara “sede sóbrios e vigilantes”, avisa que o perigo é sorrateiro e algo em nós, traidor. O mal é feiticeiro e algo em nós, fraco e besta.

Talvez o maior problema das pessoas é a mania de ficar olhando de frente para coisas perigosas. As más conversações corrompem os bons costumes, mas, mesmo assim se continua o papo. A imagem salta da tela, mas os descuidados, segundo Salomão em Provérbios 7.7, não param de passar e olhar. -O negócio trará muita grana, diz o dragão. -A festa começa às 22h e será legal, diz o amigo do dragão. Algo forte nos atrai.

Mas, qual é o olho que não se deixa enfeitiçar? Bem, o cristão sabe muito bem ativar esse olhar determinado. E, também sabe “dar mole” olhando na varanda como fez Davi (2Sm.11). Olhe com o olho certo. O outro? Arranca-0 e lança-o de ti (Mt.5.29).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s