FAZER CALAR

Resultado de imagem para moises irado

Paulo Zifum

O apóstolo Paulo jamais pode ser rotulado de intolerante. Suas cartas estão repletas de instruções de amabilidade e gentileza. Mas, como nosso Senhor Jesus foi firme, Paulo também troveja:

“Porquanto há muitos insubmissos, que não passam de tagarelas e ludibriadores, principalmente os do grupo da circuncisão. É necessário fazê-los calar, pois, motivados pela cobiça, transtornam casas inteiras, pregando o que não convém. Um dos seus próprios profetas declarou: “Os cretenses são sempre mentirosos, feras malignas, glutões preguiçosos”  Tito 1.10-12

A expressão “fazê-los calar” invoca uma ação pública de denunciar e opor-se àqueles que se tornaram pessoas destrutivas.

Pessoas tagarelas, que sustentam aparente decência, mas são cobiçosas, mentirosas e vivem se alimentando da carniça de fofocas.

Paulo sentencia: É preciso fazer com que se calem! Pois, de modo covarde, soltam seus venenos. Precisam ser confrontados.

Que os líderes de comunidades cristãs atendam a essa áspera ação, que é uma virtude.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s