LULA e SAUL

Image result for saul lança flexha

Segundo Calvino, políticos eleitos de modo legítimo são “magistrados civis” cuja nobre vocação é representar a Deus. Porém, a tarefa ornada de dignidade, pode ser manchada, não pelas falhas e limitações humanas, mas por manter a “aparência de piedade, mas negando a Deus o poder” (2Tm.3.5).

Quando um partido político deixa de ser súdito e passa a desejar o trono, começa a se “levantar contra tudo que se chama Deus” (2Ts.2.4). Entretanto, nenhum movimento surpreende o Soberano, antes tem ele os instrumentos bem seguros em suas mãos.

No Brasil, Deus capacitou o PT (partido dos trabalhadores) para socorrer os pobres (levantando a marca de uma nação cristã). E usou esse mesmo partido para mostrar a feiura causada pelo apego ao poder (que é símbolo de uma nação pagã).

O PT começou como o rei Saul, com humildade (1Sm.9.21), mas com o passar dos anos, passou a preocupar-se mais em manter-se no poder que servir a Deus (1Sm.20.30-33).

É claro que essa comparação não pode ser levada ao escopo da aliança que Israel tinha com Deus, porque o Brasil não tem essa consagração. Porém, a história de Saul é um aviso para todos que começam no poder.

O alerta fica na história: Não vá, nem para a direita, nem para esquerda. Siga em retidão, para agradar Aquele que concede aos homens tanto o dom como o poder. Pois todo aquele que o desagrada, terá o candeeiro arrancado das mãos.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s