EFEITO BOLSONARO

Imagem relacionada

Paulo Zifum

Deus usa instrumentos que despertam as paixões para julgar os corações. O presidente Bolsonaro tem sido um divisor na história do Brasil. Parece que as amenidades do homem ligth serão substituídas e abre-se espaço novamente para o homem honesto. 

Com o emponderamento do pensamento de direita (cujo capital moral é cristão e de viés econômico protestante), os defensores das ideias de esquerda tem a oportunidade de mostrar em que acreditam exatamente. E há uma saudável dúvida nacional: quem é a maioria no Brasil hoje?

Estamos vivendo um momento empolgante!

Tudo parece mais claro. Se você está acompanhando as notícias deve ter percebido que o jornalismo nunca foi tão julgado e os políticos tão provados no fogo. E o que dizer da Justiça? Parece que ela, mesmo cega, está perto de assumir o protagonismo do palco jurídico  removendo de cena a dona cabaré da impunidade. O Brasil está ficando sério e, até os humoristas estão sendo enquadrados pela máxima que ninguém está acima da lei, nem o bufão de direita nem bobo da corte destituída da esquerda.

O cenário político nunca mais será o mesmo com whatsapp, facebook, youtube, twiter e instagram. As grandes mídias ainda conseguem publicar dúvidas, mas o povo não confia sem pesquisar. Tudo está muito diferente.

O “efeito Bolsonaro” tem desconstruído narrativas envernizadas daqueles que se achavam representantes legítimos do pobre, da mulher, dos oprimidos e da ecologia. Descobriu-se até que, muitos desses representantes eram raposas cuidando do galinheiro.

E o Bolsonaro levantou-se como o novo defensor, mas nenhum presidente na história de nossa tenra República enfrentou em 100 dias de início de governo tanta oposição. E no caso dele, sobreviver é um heroísmo.

O novo governo é potente, mas assim como um avião pesado não sobe sem a resistência do ar, Bolsonaro e sua equipe jamais conseguiriam fazer o que fizeram em 100 dias se não fosse a oposição política e midiática. Parece que, quanto mais desprezam e pisam em tudo o que intentam, mais conseguem realizar. Temo que a oposição descubra e pare de se opôr, como fez o centrão da direita em 2006 abraçando o dito “quando não se pode com eles, junte-se a eles”. Porém, o cenário está favorável do jeito que está.

O Brasil está indo bem, no rumo certo, mas os “perebas” negam, o que é de se esperar. Os “perebas” deixam claro que só é “bolsa-família” se eles estiverem com a bolsa, se outros distribuírem, então, é “bolsa-farelo”. Mas, é assim que tem de ser.

Pareço, mas não sou bolsonarista. Votei no Lula em 2002 sem ser lulo-petista. Mudei de ideia quanto ao voto em 2005. Votei no atual governo, porém, não ofereço apoio acrítico a Bolsonaro. Sei que ele tentando acertar cometerá erros, mas, no momento, ele tem o apoio de milhares de homens e mulheres de bem. Assumo meu erro com Lula, e, espero estar certo desta vez.

Como cristão, creio num Deus Soberano que usa instrumentos improváveis, vasos desprezados e gente não muito indicada para provocar mudanças no mundo. Com Bolsonaro, espero que a misericórdia de Deus nos visite. Pelo menos os “efeitos”, até aqui, são de esperança.

 

JOVENS EM PERIGO

Resultado de imagem para aceleração do tempo

Paulo Zifum

Dados demais, acessos demais, possibilidades multiplicadas e, uma sensação constante de não conseguir harmonizar nada. Jovens estão muito cansados e com dificuldade de atingir satisfação real. E quem são os mais propensos ao limbo emocional? São aqueles que têm alguma chance de fazer algo significativo, mas pela aceleração do mundo, sentem que não conseguiram nada quando nem começaram.

Se você conhece alguém em perigo semelhante, procure e tente ajudar essa pessoa a descer antes que se machuque.

Resultado de imagem para a biblia salva

“As Escrituras nos ensinam a melhor maneira de viver, a maneira mais nobre de sofrer e a maneira mais confortável de morrer” John Flavel

Paulo Zifum

A Bíblia não aliena o homem a uma cultura judaico-cristã. Embora eduque a moral sob o aviso de punição, não é livro moralista. A Bíblia chama o homem para Deus para tratar a consciência culpada que todos tem independente se conhecem ou não o Livro Sagrado. A Bíblia dá direção para alcançar o bem e segurança baseada no amor de Deus. Ora, qual livro fala de um Deus que morre por suas criaturas? A Biblia fala de um Deus cujo o amor é incondicional,  baseado, não no desempenho e mérito humanos mas na graça oferecida em Cristo.

COISAS DIFÍCEIS DA TEOLOGIA

Resultado de imagem para aguia e seus filhotes

“Deus pode controlar os atos de agentes livres sem destruir a liberdade deles” Charles Hodge

Como Ele faz isso? Poderia um pai financiar seu filho direcionando suas escolhas de modo que esse filho sinta-se livre? Não podemos comparar nossas limitadas manipulações com a forma como Deus rege o mundo, pois Ele é perfeito em cada medida de possibilidade.

Os homens sentem que são livres, embora desconheçam as influências divinas sobre suas próprias afeições. Quando apóstolo Paulo menciona que Deus opera em nós o querer e o realizar (Fp.2.13), estava tratando da segurança que devemos ter no Autor da Vida. Porém, aqueles que desconfiam dessa compreensão teológica, normalmente caem no erro comum de concluir que Deus é o “autor do pecado” também. Como explicar esse conceito a alguém cujas as referências são apenas humanas? Deus não é autor do pecado. O pecado é a prova de que a liberdade foi mantida.

*foto: a águia, no momento certo, fará com que seus filhotes voem

MALDADES QUE NÃO PODEMOS ENTENDER

Resultado de imagem para ateu
“Elias já veio, e não o reconheceram; antes, fizeram com ele tudo quanto quiseram. Assim também o Filho do Homem há de padecer nas mãos deles. Então, os discípulos entenderam que lhes falara a respeito de João Batista.” Mateus 17.12-13
Pergunta o ateu: Como crer em um Deus soberano que tendo poder para evitar o mal, não o faz?
Responde o cristão: Creio, embora sofra com fé a limitação de não compreender.
Pergunta o ateu: E o que você ganha com isso?
Responde o cristão: Ganho a resposta de que há um sentido acima do meu desespero. E você?
Responde o ateu: Não vejo sentido algum.
Resultado de imagem para ateu

DEUS É QUEM MANDA COM AMOR

Resultado de imagem para confissão de westminster

CAPÍTULO III
DOS ETERNOS DECRETOS DE DEUS

Confissão de Westminster 1648

I. Desde toda a eternidade, Deus, pelo muito sábio e santo conselho da sua própria vontade, ordenou livre e inalteravelmente tudo quanto acontece, porém de modo que nem Deus é o autor do pecado, nem violentada é a vontade da criatura, nem é tirada a liberdade ou contingência das causas secundárias, antes estabelecidas.

Aconselho que leia o texto acima várias vezes, palavra por palavra, e tente imaginar o que, na verdade, esses 120 teólogos reunidos na Assembleia de Westminster  juntamente com o parlamento inglês estavam pretendendo. Imagine que eles estivessem debatendo o texto abaixo:

“Então, Pilatos o advertiu: Não me respondes? Não sabes que tenho autoridade para te soltar e autoridade para te crucificar?
Respondeu Jesus: Nenhuma autoridade terias sobre mim, se de cima não te fosse dada; por isso, quem me entregou a ti maior pecado tem.” João 19.10-11
Como podemos entender isso?
Essa perspectiva é elevada demais para nós homens limitados.
Deus é soberano e os homens são responsáveis por seus atos.
E esse Deus veio ao mundo e morreu nas mãos de suas criaturas.
Profunda trama!
Profundo amor!

COMO OVELHAS QUE TEM PASTOR

Resultado de imagem para como ovelha perdida

Pastor 

Quando você está ouvindo uma ovelha, percebe a importância de seu trabalho. Depois de um bom tempo ouvindo, começa a falar sobre o quanto entendeu e o como se identifica com o problema. E a compaixão conecta o pastor e a ovelha. Daí em diante não são mais dois e sim, um. A ovelha sobre os ombros do pastor sabe que ele se preocupa, embora nem sempre saiba como ajudar.